Por que o bem-estar do funcionário é essencial para os negócios?
Cultura Organizacional

Por que o bem-estar do funcionário é essencial para os negócios?

Top Employers
Escrito por Top Employers

Cases de sucesso de diversas organizações ao redor do mundo comprovam: cuidar do bem-estar do funcionário é essencial para o crescimento de um negócio. Segundo pesquisa feita pelo Top Employers Institute, 76% das melhores empresas globais se preocupam com o nível de estresse, carga de trabalho e qualidade de vida de seus colaboradores.

O fato de essas instituições apresentarem números acima da média do mercado não é coincidência. Em geral, elas investem no crescimento profissional e valorização de seus colaboradores, além de terem um propósito maior que apenas o lucro. Tudo isso tem uma influência bastante positiva nos resultados.

Mas como isso acontece? Para responder a essa pergunta traremos neste post os principais benefícios que o cuidado com os funcionários pode trazer a uma organização. Confira a seguir!

Quais benefícios o bem-estar do funcionário traz para a empresa?

A maior vantagem de cuidar dos colaboradores é, sem dúvida, o aumento da produtividade. Indicadores importantes como número de vendas e precisão nos relatórios têm uma melhora sensível, mas não é só isso. Há também grandes ganhos em aspectos qualitativos, como atendimento ao cliente, comunicação e confiança.

Outro grande benefício diz respeito ao Employer Brand. Contar com funcionários satisfeitos agrega muito valor à imagem da empresa como lugar para trabalhar, o que ajuda na atração e retenção de talentos. Afinal, qual profissional não gostaria de atuar em uma organização tendo a certeza de que ela oferecerá uma ótima qualidade de vida?

Uma boa maneira de medir essa qualidade de vida é por meio da taxa de burn-out. A expressão ganhou fama em 2014, e se refere a uma síndrome psicológica causada pelo esgotamento no trabalho, assédio moral e sexual e negligência com a saúde. Seus sintomas são irritação, depressão, falta de concentração e sensação de fracasso.

Trabalhar para manter o burn-out e outras doenças longe da sua equipe resolve outro problema comum nas corporações: o absenteísmo.

Para se ter uma ideia, as taxas de ausências no trabalho no Reino Unido ficam entre 6,3 a 9 dias ao ano. Grande parte delas é motivada por problemas de saúde. Parece pouco, mas os custos totais disso giram em torno de 25 bilhões de libras!

Já que o prejuízo é tão alto, o melhor a se fazer é tomar medidas para diminuir as ausências. Para isso, é preciso enxergar os cuidados com o bem-estar do funcionário como investimento, e não um custo. Manter a saúde física e mental em dia faz com que os empregados fiquem menos doentes, faltem menos e produzam mais.

O que a empresa pode fazer para aumentar a satisfação dos colaboradores?

Melhorar a qualidade de vida dos funcionários requer uma série de programas e benefícios adicionais, que vão muito além da remuneração básica. Confira abaixo alguns dos mais utilizados globalmente.

Programas de bem-estar

De acordo com a pesquisa Top Employers 2017, 71% das melhores empresas oferecem uma ampla gama de programas de bem-estar para seus colaboradores. Isso inclui ginástica laboral, parcerias com academias, aulas de ioga, massagens e aconselhamento nutricional e psicológico. Tudo com foco em cuidar o máximo possível da saúde mental e física dos funcionários.

Políticas de deslocamento

Grande parte do estresse no dia a dia de trabalho começa no trajeto, antes mesmo de o funcionário chegar ao escritório. Por isso, 66% das organizações entrevistadas têm políticas para facilitar o deslocamento de seus profissionais, como estacionamento próprio e compartilhamento de bicicletas.

Ano sabático

Uma grande tendência do mercado é oferecer aos colaboradores um ano ou alguns meses de folga para que eles possam refletir sobre suas escolhas e estudar seus propósitos. Segundo a pesquisa Top Employers, 56% das grandes empresas já fazem isso. Depois do período sabático, os profissionais costumam voltar mais motivados e produtivos.

Chegamos ao fim das nossas dicas sobre o bem-estar do funcionário nos negócios! Agora que você já entendeu a importância da qualidade de vida, coloque tudo isso em prática. Basta estudar as necessidades da sua empresa e aplicar os métodos adequados. Temos certeza de que os resultados serão percebidos rapidamente!

Gostou do conteúdo? Não se esqueça de compartilhar este post nas redes sociais. Assim você nos ajuda a educar o mercado e levar mais qualidade ao mundo corporativo!

Assine nossa Newsletter!

Gostou deste conteúdo? Aproveite os ícones abaixo e compartilhe na suas redes sociais

Sobre o autor

Top Employers

Top Employers

Deixar comentário.

Share This