Entenda o que é job rotation e como implementar na empresa
Trabalho

Entenda o que é job rotation e como implementar na empresa

Top Employers
Escrito por Top Employers

Contar com colaboradores que tenham uma visão do negócio que seja global e estratégica e coragem suficiente para se arriscar em outras funções e tarefas pode ser um grande diferencial na sua empresa. Mas, você sabe como criar essa cultura?

É exatamente aí que entra o job rotation. Ele é uma prática inovadora que vem ganhando cada vez mais adeptos dos setores de RH das organizações.

Quer saber como ele funciona, quais os benefícios e como implementar a prática na sua empresa? Então leia este artigo e descubra!

O que é o job rotation e como ele funciona

O job rotation é um conceito que pode ser traduzido como “rotatividade de trabalho” e chegou ao Brasil pelas multinacionais que entraram no país. Ele se refere ao processo de levar os seus colaboradores a passarem por diversos setores da empresa e vivenciarem a rotina dessas áreas por um determinado período de tempo.

Ou seja, o job rotation é uma prática na qual você cria um programa para que o seu time, ao invés de trabalhar sempre na mesma área durante todo o tempo de empresa, vivencie também as atividades de todos os setores durante alguns meses.

Essa rotatividade é muito utilizada em processos trainee, com o objetivo de gerar aprendizado e desenvolver novas lideranças. Porém, apesar de ser utilizada preferencialmente com colaboradores recém-contratados, a prática pode ser expandida também para que já está na sua empresa há algum tempo.

Na prática, ele funciona da seguinte forma: você planeja quais funcionários passarão pelo job rotation e quanto tempo eles ficarão em cada um dos setores da empresa. A partir daí, direciona a sua equipe para as novas atividades seguindo o cronograma pré-determinado.

Os benefícios do job rotation

O job rotation oferece uma série de benefícios, tanto para os colaboradores quanto para a empresa como um todo. Entenda agora alguns deles.

Testa o encaixe dos colaboradores nas funções

Com o job rotation você descobre talentos e competências dos seus funcionários que ainda não haviam sido evidenciadas uma vez que eles não eram incentivados a colocá-las em prática. Dessa forma, ao delegar novas funções, você pode identificar colaboradores que se encaixam melhor em outros setores ao invés do que eles estão atuando.

O raciocínio também é válido para recém-contratados, uma vez que você pode implementar o job rotation antes mesmo de definir qual a função final a ser desempenhada por eles. Assim, você reorganiza seu time de forma a valorizar o potencial de cada colaborador, alocando-o no cargo no qual ele melhor se encaixa.

Potencializa a aprendizagem organizacional

O job rotation é uma ótima oportunidade de aprendizado para os seus colaboradores, tanto em nível técnico quanto comportamental. Isso porque eles são incentivados a vivenciar rotinas e atividades totalmente diferentes daquelas que estão acostumados a desempenhar. Portanto, essa prática pode favorecer o desenvolvimento de novas competências no seu time.

Aumenta a motivação do time

Muitas vezes, seus colaboradores podem ficar cansados de desenvolver as mesmas tarefas e atividades diariamente.

É aí que entra o job rotation! Ele permite que os funcionários mudem de atividades, desafiando suas capacidades e variando as tarefas a serem desenvolvidas de tempos em tempos. 

Dessa forma, você aumenta o nível de motivação e engajamento no trabalho, melhorando os resultados como um todo e intensificando os níveis de satisfação dos colaboradores.

Promove integração entre os setores

Imagine que um colaborador que faz parte do departamento administrativo-financeiro da empresa passe alguns meses no RH da organização, setores que possuem algumas atividades complementares entre si. Dessa forma, ele é capaz de identificar os principais desafios que o RH enfrenta e entende a melhor forma de ajudar dentro do departamento administrativo-financeiro.

Esse é apenas um exemplo de como o job rotation pode ajudar a melhorar a integração e colaboração entre os diversos setores da sua empresa, de forma que os setores passam a trabalhar unidos e em prol de um único objetivo.

Gera mais inovação

Os colaboradores da sua empresa já possuem uma visão de determinada área, sabem como ela funciona e quais seus principais processos. Por isso, quando levados para outro departamento, podem ajudar na solução de problemas de forma inovadora e eficaz, uma vez que trazem consigo uma visão de fora daquele setor.

Além disso, ao passar por outras atividades, os funcionários adquirem uma nova visão da empresa e, quando retornam às suas atividades tradicionais, também podem ajudar na inovação dentro da própria área. Portanto, a sua empresa passa a contar com soluções fora da caixa em todos os aspectos.

Como o job rotation influencia a visão dos colaboradores dentro da empresa

Um dos grandes efeitos do job rotation para a empresa é a mudança de perspectiva dos colaboradores. Isso significa que essa prática ajuda a modificar a visão que o seu time tem do próprio trabalho, assim como da empresa como um todo.

Quando eles passam por todos os setores, conseguem acompanhar o funcionamento da empresa e, com isso, aperfeiçoam o entendimento que possuem do próprio papel dentro do negócio, assim como das responsabilidades das outras equipes.

Além disso, passam a visualizar o negócio como um todo, entendendo os principais desafios e dificuldades de cada uma das áreas. Dessa forma, a atuação de cada um dos colaboradores que passam pelo job rotation se torna muito mais estratégica.

Como implementar o job rotation

Diante de tantas vantagens, você deve ter ficado com vontade de implementar a prática na sua empresa, não é mesmo? Continue a leitura e descubra como fazer isso!

Avalie os colaboradores

Comece avaliando os seus colaboradores para definir quais passarão pelo processo de job rotation. Isso porque é preciso que o colaborador tenha um conhecimento básico sobre a área na qual ele vai atuar antes de iniciar o processo. Além disso, você consegue gerar dados para comparação na hora de mensurar os resultados do processo em termos de aprendizagem.

Crie um planejamento

Crie um cronograma bem estruturado listando as áreas pelas quais cada um dos colaboradores irá passar e definindo quanto tempo eles ficarão em cada uma delas. Isso é importante para que o job rotation ocorra da melhor forma possível, sem complicações futuras.

Explique o processo para todo o time

Explique todo o processo para o time, principalmente para os funcionários que irão vivenciá-lo e para aqueles que receberão novos membros temporários na equipe. É importante deixar claro os objetivos do job rotation, assim como o que é esperado de cada um como resultado do trabalho.

Mensure os resultados

Ao final do processo, mensure os resultados. Para isso, você pode avaliar tanto as competências técnicas quanto comportamentais dos colaboradores, e compará-las com a avaliação do início do job rotation. Dessa forma, você terá em mãos dados quantitativos e objetivos sobre os benefícios do processo para a empresa e para a equipe.

O job rotation é um conceito relativamente recente, mas que vem ganhando espaço devido aos benefícios que oferece para os colaboradores e para a empresa como um todo. Ele pode ser o diferencial que você precisava para aumentar a aprendizagem, motivação e integração da equipe e tornar o seu negócio cada vez mais inovador.

Gostou do conteúdo? Então assine a nossa newsletter e receba novos conteúdos diretamente no seu e-mail!

Assine nossa Newsletter!

Gostou deste conteúdo? Aproveite os ícones abaixo e compartilhe na suas redes sociais

Sobre o autor

Top Employers

Top Employers

Deixar comentário.

Share This