5 estratégias de branding corporativo que você deveria aplicar na sua empresa
Recursos Humanos

5 estratégias de branding corporativo que você deveria aplicar na sua empresa

Top Employers
Escrito por Top Employers

O branding corporativo é o gerenciamento de uma marca, um dos elementos mais importantes de toda empresa de sucesso. Quando bem construído, o branding pode reter talentos e atrair mais consumidores e admiradores para a marca.

Em um mercado cada vez mais competitivo, ideias para a melhoria e expansão dos negócios merecem destaque. Por isso, no artigo de hoje vamos conhecer 5 estratégias para aplicar o branding corporativo. Confira:

1. Defina seu propósito

Toda marca promete alguma coisa, e isso é necessário para definir o posicionamento de mercado. Porém, o que serve de diferencial entre os concorrentes é ter um propósito bem definido.

O propósito é algo mais específico e mais profundo: enfoca o sucesso em relação à capacidade de ganhar dinheiro e fazer a diferença na sociedade. A IKEA, multinacional sueca de móveis e acessórios para casa, por exemplo, tem como propósito “criar uma vida cotidiana melhor”. Perceba que a frase representa mais do que vender móveis e ganhar dinheiro.

Essa é uma abordagem atraente para os clientes, pois demonstra um compromisso de fornecer valor além da venda.

2. Engaje os funcionários

Por meio do employer branding, a empresa pode melhorar o seu posicionamento tanto para os clientes externos quanto para os internos. Assim, os colaboradores podem se tornar os principais promotores da marca.

Uma maneira de transformar a relação dos funcionários com a marca é conquistar certificados de boas práticas e excelência em gestão de pessoas. Uma certificação reconhecida e com metodologia aplicada contribui para que sua empresa crie condições necessárias para seus colaboradores se desenvolverem profissionalmente e pessoalmente.

3. Recrute melhor

Trabalhar o employer branding faz a diferença em diversos processos da empresa, incluindo o momento de recrutar e selecionar novos talentos. Uma organização com um propósito claro e uma marca forte ajuda a encontrar candidatos mais alinhados à cultura organizacional e que têm mais chances de permanecer na empresa.

Além disso, aplicar branding na divulgação das suas vagas faz com que os candidatos saibam o que esperar do emprego anunciado. O Google é um grande exemplo do funcionamento do employer branding. A empresa construiu a ideia de ser um lugar inovador e criativo para se trabalhar, atraindo candidatos que sabem o que querem em termos de ambiente de trabalho, além de melhorar o funil de recrutamento do RH da empresa.

4. Valorize a lealdade

Aplicando todas as dicas que já citamos aqui, sua empresa vai obter outro nível de relação com os colaboradores. Quando a marca empregadora está presente desde a etapa inicial do processo de contratação, os novos colaboradores já chegam mais integrados à empresa e aos seus desafios.

Estudos demonstram que recrutar e engajar talentos, com foco voltado para o employer branding, faz com que o índice de turnover diminua, já que as contratações são feitas com o objetivo de encontrar pessoas com perfis compatíveis com o propósito da organização.

Vale destacar também que as empresas que se preocupam com a satisfação dos colaboradores produzem um ambiente de trabalho mais inspirador e agradável, o que é bastante positivo.

O ativo intangível mais importante de uma empresa é a sua marca. Por isso, ao desenvolver estratégias de branding corporativo, lembre-se destas dicas para ter cada vez mais melhores resultados.

Você gostou deste artigo sobre branding corporativo? Então aproveite a visita e assine nossa newsletter para receber as atualizações no seu e-mail!

Assine nossa Newsletter!

Gostou deste conteúdo? Aproveite os ícones abaixo e compartilhe na suas redes sociais

Sobre o autor

Top Employers

Top Employers

Deixar comentário.

Share This